Chegou a hora do Por Que

22 de março de 2013

Olá Mamães,

Essa ultima semana fomos surpreendidos por algumas interrogações que vieram do Samuel no seus 2 anos e 3 meses.

Mamãe Diz: Samuel não pode mecher na cozinha.
Samuel Diz: Por que?

Mamãe Diz: Samuel tem que comer tudo.
Samuel Diz: Por que?

Como assim ??? Achei que ainda seria um pouco cedo para tal indagações.

Acho que essas perguntas podem vir do desenho animado Super Why traduzido para Super Leitores que passa no canal Discory Kids.

Nossas crianças estão crescendo e se desenvolvendo muito velozmente e na era da informação. Temos que ficar atentas e dar o melhor para eles.

Por volta dos três e quatro anos de idade a criança desperta para a curiosidade de entender como as coisas acontecem.


Isso ocorre devido à construção da própria identidade, que acontece na infância, quando a criança passa a se descobrir, a ter noção do próprio “Eu”, da importância de sua existência, das coisas que consegue fazer, que vê ou que ouve.


A partir dessa descoberta, passa a perceber os fatos ao seu redor dando maior ênfase a como tudo acontece, ou seja, os porquês referentes à esses. Muitas vezes as crianças nos questionam repetidamente e emendam um porquê atrás do outro.


É importante que as pessoas em contato direto com a mesma devem ter paciência e respeito quanto às curiosidades do pequeno, ajudando-o a esclarecer suas dúvidas.


Essa curiosidade, a busca da compreensão do mundo é que a levará a fazer novas descobertas, aguçando sua percepção para o aprender.


Se a criança é tolhida pelo adulto, no momento em que faz perguntas, poderá perder o interesse, a vontade de descobrir coisas novas, ficando paralisada no seu processo de aprendizagem por medo ou insegurança.


Uma boa forma de amenizar as perguntas é devolvê-las para que a própria criança tente explicar, ou utilizá-las em momentos que esta não queira obedecer. Quando diz que não quer comer a mãe poderá perguntar-lhe o porquê, se não quer tomar banho poderá também utilizar uma pergunta e, assim, mostrar que nem tudo pode acontecer da forma como ela deseja.


E à medida que for compreendendo o mundo que a cerca deixará de questionar sobre as coisas do cotidiano.


Por Jussara de Barros
Graduada em Pedagogia
Equipe Brasil Escola

Esse foi meu recado de hoje.
Comente com sua conta Blogger
Comente com sua conta Facebook
Comente com sua conta Google+

3 comentários:

  1. isso mesmo nosso tempo não tem nada com o deles
    as crianças crescem rápido desenvolvem rápido
    eu ria muito os por quês? da minha filha mais
    sempre respondia, e tenho que fazer
    pois se não saber por nós quem vai ensina-los
    linda tarde bjs

    http://sermamaepelasegundavez.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Eita... q fase amiga...
    Minha mãe diz q eu chegava a ser chata de tanto q perguntava kkkkk

    Own... mas é lindo o Sam tão pequenino e cheio de questões!

    Aproveito para te convidar... a participar da nossa primeira BC Recordando, Aprendendo e Brincando. A estreia é segunda-feira dia 25/03

    http://cphilene.wordpress.com/2013/03/11/bc-recordando-aprendendo-e-brincando-convite/ bjss Cris e Jamilly

    ResponderExcluir
  3. Ei!

    Feliz páscoa pra vocês também! Deus abençoe!

    Eu adoro super leitores, rs.

    Bj!

    ResponderExcluir

Eu fico muito feliz com o seu comentário.
Gentileza gera Gentileza.
Deixe o link do seu blog para que eu possa visita-la também.
Andréia Sales



Subir

Siga a gente no Instagram @MaeVaidosa